sábado, 11 de setembro de 2010

nós somos tesouros peculiares!




Oi gente!
Eu sei, não escrevo aqui há 5 semanas. Tinha dois rascunhos ainda não revisados, queria postar um deles, mas não vai ser dessa vez... Acho que falar sem coração é mentir, né? E omitir, é pior ainda! Mil perdões a você que tem o cuidado e o carinho de me visitar e não encontra nenhuma atualização recente.
Vida de pseudo-escritor é uma coisa. A gente passa horas olhando pro editor em branco, e a inspiração chega como em um vislumbre epífano quando os únicos instrumentos que você tem a mão são um toco de lápis e o verso de um folheto de propaganda de disk-pizza. Comecei esse blog para compartilhar a minha jornada pelo calvário nosso de cada dia, e ele tem mudado um pouquinho a cada dia. No começo, eram textos de cunho pessoal, objetivos e diretos; mas depois eles foram se tornando cada vez mais literários e poéticos. Se você analisar os textos poéticos, verá que todos eles têm muito mais de mim do que os objetivos e pessoais. Mas, hoje especialmente, não estou com muita disposição para floreios, tudo bem? Ando escrevendo muito pra vestibulares e provas, e minha cabeça está meio sequelada... Vou tentar ser direta, mas pessoal, tudo bem?
Desde o comecinho do blog, vocês podem perceber em mim um grande, mas sutil, sentimento de baixa auto-estima. Sempre fui uma bomba de emoções, que alternava euforia com coléra e melancolia. Mas, esses últimos tempos tem sido diferentes. Eu tenho visto que Ele me criou assim, e não há nenhum espelho ou TV High definition que me mostre melhor que Seus olhos. Tenho visto que Ele conhece minhas limitações, dúvidas e defeitos. Ele conhece meu temperamento inconstante. Ele criou meu coração artesanalmente, com Suas próprias mãos. Ele não espera de mim nada diferente do que eu sou. Aliás, muito pelo contrário: Ele me criou exatamente sob medida para cumprir Sua vontade! E apesar dos meus (muitos) defeitos e falhas, que Ele quer nivelar comigo, ele se compraza em mim. Ele é feliz por eu ser quem eu sou! E, isso já basta para que eu seja feliz por ser eu também. Foi Deus quem me criou, e Ele é o melhor roteirista e designer de todos os tempos! Ele quem me criou, e Ele não faz besteira!
Vi uma vez este poeminha na internet, que beira a breguisse (ou para alguns é a breguisse total) mas foi o que me trouxe inspiração para escrever este post. O linguajar da religião afasta nosso entendimento da verdade sobre Deus, e suja a água que tanto precisamos beber. Ele não é um ser obscuro e indiferente que só pode ser entendido por sacerdotes e pastores. Deus é amor, e o amor de Deus está em todas as coisas. É um amor teimoso e constante. Amor piegas, brega muitas vezes, mas que é necessário para nossa felicidade como o ar que respiramos. Ele é o Deus que pôs seu nome num imã na geladeira dele.

Se Deus tivesse uma geladeira, ela teria um imã com seu nome nele.
Se Ele tivesse uma carteira, sua foto estaria nela. Se ele usasse um caderno escolar, seu rosto seria a capa.
Ele te envia flores todas as primaveras, e faz com que o sol nasça pra você todas as manhãs.
Ele poderia viver em qualquer lugar do Universo, mas escolheu seu coração.
Ele mandou pra você o melhor presente de natal de todos naquela noite em Belém da Judéia, e te presenteou especialmente naquela Sexta-feira no Calvário.
Encare a realidade, Ele é louco por você…

Lembro-me de meu pai uma vez alertar uma pessoa que queria me levar pra passear em algum lugar, quando eu ainda era criança. Ele segurou uma mechinha do meu cabelo, e disse para o pobre adulto: 'cada fio desses vale dois bilhões de doláres'. Ao nos descrever como Tesouros Peculiares (Ex 19:5), Ele diz que somos valiosos e únicos. Hoje, quase desabei de chorar ao ouvir essa música. É meio ridícula, mas parafraseando livremente F. Pessoa, quem nunca recebeu amor é que é ridículo. Olhe-se no espelho e veja que você é a coisa mais linda que Ele criou!
And that's all, folks! Amo muito vocês, viu? A poesia e o lirismo voltarão em breve, ok? Um versículo para metamofosearmo-nos:

"Peço que todas as manhãs tu me fales do teu amor, pois em ti eu tenho posto a minha confiança. As minhas orações sobem a ti; mostra-me o caminho que devo seguir!
Ó SENHOR Deus, livra-me dos meus inimigos, pois em ti encontro proteção!
Tu és o meu Deus; ensina-me a fazer a tua vontade. Que o teu Espírito seja bom para mim e me guie por um caminho seguro!" Salmos 143:8-10

5 comentários:

Anônimo disse...

Oi Gatinha, passei só pra ver quais bobagens são essas.

Beijos

Analú

kporto disse...

voltei aqui! e amei!
bjo Doth

Anônimo disse...

Oi Gatinha, passei novamente, depois eu leio seus devaneios.
beijos
Vc é moooito especial e te espero por aqui em breve.

Analú

Lysis Lilian disse...

Estou sentindo muita falta das suas maravilhosas bobagens!

Abraço!♥

Aline Ramos disse...

Doth!! Que lindooo!!
Ameeeiii!!!
A beleza da simplicidade...

Saudades!!